Fale conosco

O que vc está procurando?

CineBuzz

Lançamentos

Cinco destaques do 1º episódio de “Você Nunca Esteve Sozinha”, a série documental de Juliette

Os seis episódios da produção serão lançados semanalmente

Estreou no Globoplay "Você Nunca Esteve Sozinha", série documental sobre Juliette Freire (Globo/João Cotta)
Estreou no Globoplay "Você Nunca Esteve Sozinha", série documental sobre Juliette Freire (Globo/João Cotta)

Chegou ao Globoplay, nesta terça-feira (29), “Você Nunca Esteve Sozinha“, série documental sobre Juliette Freire, vencedora do “Big Brother Brasil 21”. Em seis capítulos, lançados semanalmente, a produção abordará a vida pré e pós-reality show da advogada e maquiadora.

Logo no episódio de estreia, “Disparada”, nós já conhecemos um pouco mais sobre o passado do fenômeno e, a seguir, nós elencamos cinco destaques do 1º episódio de “Você Nunca Esteve Sozinha”, a série documental de Juliette. Confira:

A queridinha do Brasil

Muitas vezes rejeitada por seus colegas de confinamento, Juliette deixou o “BBB21” com R$ 1,5 milhão após conquistar 90,15% dos votos em uma disputa contra Camilla de Lucas e Fiuk, dois membros do time de famosos da edição. É a partir desse ponto que começa “Você Nunca Esteve Sozinha”, relembrando o quão querida a advogada acabou se tornando nos últimos meses e que, embora tenha se sentido abandonada em alguns momentos durante o programa, nunca foi abandonada por seus fãs, como bem pontuou Tiago Leifert em seu discurso final.

A infância difícil

Nós ouvimos muitas histórias sobre o passado difícil de Juliette durante o “BBB21”. A advogada nunca escondeu que precisou lutar bastante na vida para conquistar tudo o que sempre desejou e, no documentário, nós vemos familiares, amigos e conhecidos confirmando tudo isso. É emocionante ver a jornada da advogada por bairros periféricos de Campina Grande, na Paraíba, e os momentos certamente arrancarão lágrimas dos fãs da ex-BBB.

Os lugares por onde passou

Outro ponto da série que os fãs vão amar é conhecer os lugares por onde Juliette passou: a oficina de seu pai, o salão de beleza da mãe, a casa onde viveram, a escola onde estudou, o parque onde ia com os amigos e muito mais. “Você Nunca Esteve Sozinha” passa por todos esses lugares e, enquanto assistimos, é como se tivéssemos conhecido a advogada por todo esse tempo.

O desejo de ser cantora

No “BBB21”, nós vimos Juliette cantar à beça e, desde que deixou a casa mais vigiada do Brasil, a advogada tem continuado a investir na cantoria e já participou de diversos shows, inclusive ao lado de Gilberto Gil. O documentário também aborda esse aspecto de Juliette e uma de suas amigas revela que, antes mesmo de ser notada, a ex-BBB já havia cogitado seguir uma carreira na música. Será que agora vai?

A inseparável irmã Julienne

Um dos pontos mais sensíveis de “Você Nunca Esteve Sozinha” é o relacionamento de Juliette com a irmã mais nova, Julienne. Como já se sabe, a jovem morreu aos 17 anos, vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC), e isso marcou a vida da advogada, que era grudada com a irmã. Essa história deve ser aprofundada na série e, sem dúvida alguma, os fãs se emocionarão junto com a campeã do “BBB21”.