Fale conosco

O que vc está procurando?

CineBuzz

Séries

21 séries sobre o universo LGBTQIA+ no streaming

As produções celebram a diversidade da comunidade e promovem a representatividade na televisão

21 séries sobre o universo LGBTQIA+ no streaming (Divulgação/Netflix)
21 séries sobre o universo LGBTQIA+ no streaming (Divulgação/Netflix)

Nesta segunda-feira, 17 de maio, é o Dia Internacional Contra a Homofobia, criado com o intuito de conscientizar a sociedade sobre a luta contra a discriminação dos homossexuais, transexuais e transgêneros.

A data surgiu em 1990, quando o termo “homossexualismo” foi desconsiderado pela OMS (Organização Mundial de Saúde) e a homossexualidade deixou a Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde.

No audiovisual, as produções voltadas para o universo LGBTQ+ ganharam espaço e visibilidade, mostrando a necessidade do público de se sentir representado e contar suas próprias histórias na TV e no cinema. Assim, nós selecionamos 21 séries para maratonar, refletir e aprender sobre o assunto:

Pose

Ambienta na Nova York da década de 1980, a série conta com o maior elenco formado por pessoas transgêneros na história da televisão. A trama retrata a ascensão da cultura de ballroom, onde surgiu o voguing popularizado por Madonna, e especialmente a luta da população LGBTQIA+ contra o preconceito e a ameaça da AIDS.

ONDE ASSISTIR: Netflix

Hollywood

Criada por Ryan Murphy, a história mostra como a história da revolução causada por estúdio, que poderia ter transformado a para sempre a indústria cinematográfica caso não houvesse tanto preconceito na década de 1920.

Para isso, eles contam a história de Rock Hudson (Jake Picking), que passou a vida inteira dentro armário e morreu em decorrência da AIDS. No entanto, ele ganha a chance de viver um grande amor livremente na série.

ONDE ASSISTIR: Netflix

As Five

No spin-pff de “Malhação – Viva a Diferença”, Keyla (Gabriela Medvedovski), Ellen (Heslaine Vieira), Lica (Manoela Aliperti), Tina (Ana Hikari) e Benê (Daphne Bozaski) se reencontram após seis anos sem se verem.

Entrando na vida adulta, elas precisam enfrentar os conflitos da nova fase, como família, carreira, economia e vida afetiva.

ONDE ASSISTIR: Globoplay

Dickinson

Estrelado por Hailee Steinfeld, a série reinventa a história da poetisa Emily Dickinson e moderniza a trama de época, que se passa no século XIX. Na história, a escritora luta contra os padrões tradicionais do patriarcado e vive um relacionamento secreto com a melhor amiga e futura cunhada.

ONDE ASSISTIR: Apple TV+

Modern Family

A sitcom acompanha o casal Phil e Claire, que deseja viver um relacionamento aberto com seus três filhos. Enquanto isso, Jay e a esposa criam o filho ao mesmo tempo que lidam com os problemas trazidos pela grande diferença de idade. Já Mitchell e Cameron enfrentam os desafios após a adoção de uma criança do Vietnã.

ONDE ASSISTIR: Netflix

Sex Education

Otis (Asa Butterfield) é um adolescente inexperiente e que entende tudo de aconselhamento sexual, graças à sua mãe sexóloga. Quando ele se junta à rebelde Maeve (Emma Mackey), eles abrem uma clínica de terapia sexual na escola para ganhar dinheiro.

ONDE ASSISTIR: Netflix

Euphoria

Inspirada na vida do criador da série, Sam Levinson, a produção retrata a vida de um grupo de adolescentes do ensino médio. Nesse momento de autodescoberta, eles precisam lidar com situações típicas da idade como abuso de drogas, sexo, gravidez, assédio, traumas, e amizade.

ONDE ASSISTIR: HBO Go

Meu Amor: Seis Histórias de Amor Verdadeiro

A série documental é baseada em histórias reais de que retrata um ano da vida de seis casais de idosos em diferentes partes do mundo. Da Coréia a favela do Rio de Janeiro, a produção traz um olhar sensível sobre os relacionamentos que perduram por várias décadas.

ONDE ASSISTIR: Netflix

Special

Baseada no livro escrito Ryan O’Connell, “I’m Special: And Others Lies We Tell Ourselves”, a série é inspirada na vida do autor, que também estrela a produção, um homem gay, portador de paralisia cerebral e que deseja viver a vida completamente, como realizar seus sonhos, ser independente e viver uma história de amor

ONDE ASSISTIR: Netflix

One Day At a Time

Baseada na sitcom de 1975, a série de comédia acompanha uma família cubana vivendo nos Estados Unidos. A trama debate temas como bullying, racismo, feminismo e saúde mental, através das três gerações da família, composta por uma mãe recém-divorciada e a avó careta e dois adolescentes.

ONDE ASSISTIR: Netflix

Shadowhunters

Baseado na série de livros da Cassandra Clare, a série de três temporadas acompanha as aventuras de caçadores de sombras, jovens guerreiros que protegem o mundo dos demônios. Quando um antigo grupo intolerante volta a ganhar forças e seguidores, eles precisam unir forças para derrotar o vilão mais uma vez.

Todxs Nós

A trama conta a história de Rafa (Clara Gallo), que se define como uma pessoa não-binária e passa a morar com o primo, Vini (Kelner Macêdo), em São Paulo, após não ser aceita pela própria família. Na nova cidade, precisa lutar contra o preconceito e encontrar um jeito de viver sem esconder sua verdade.

ONDE ASSISTIR: HBO Go

Rua Augusta

A jovem Mika foge da casa de seu poderoso pai para se tornar uma stripper na famosa rua do centro de São Paulo. Ela abandona seu passado desconhecido e se afunda no submundo das drogas, prostituição e diversão da cidade.

ONDE ASSISTIR: Prime Video

Sense8

Oito desconhecidos de países e culturas totalmente diferentes têm a mesma visão súbita da morte violenta de uma mulher e, por meio disso, descobrem que estão interligados mentalmente e emocionalmente.

Please Like Me

A produção australiana retrata a vida de Josh (Josh Thomas), que descobre ser gay após terminar o relacionamento com Claire (Caitlin Stasey). Assim, ele precisa lidar com o medo de não ser aceito pela família por conta de sua orientação sexual, além de engatar um relacionamento com o conhecido Geoffrey (Wade Briggs).

Gypsy

A série acompanha a psicóloga Jean (Naomi Watts) se infiltrando na vida de seus pacientes e acaba criando uma outra personalidade com nome Diane, para se aproximar das pessoas que são citadas em seu consultório. Quando se aproxima de Sidney (Sophie Cookson), ex-namorada de um paciente, ela se vê envolvida emocionalmente e passa a viver um relacionamento secreto, mesmo sendo casada.

ONDE ASSISTIR: Netflix

Crônicas de São Francisco

Originalmente, a série estreou em 1993 e foi uma das pioneiras na televisão ao mostrar o cotidiano de uma família de “excluídos”. Considerada controversa, a produção foi cancelada, mas voltou em 1998 para mais uma temporada, intitulada “More Tales of the City”, e em 2001, com “Further Tales of the City”.

Em 2019, a Netflix trouxe mais uma leva de episódios e incluiu todas as temporadas da série no catálogo do streaming.

ONDE ASSISTIR: Netflix

Glee

O professor Will Schuester reúne um grupo de estudantes para reformar o antigo e bem sucedido Clube Glee, o coral da escola McKinley. Mesmo com os conflitos e diferenças dos alunos, ele fará o que for necessário para resgatar o sucesso do coral e provar que todos que duvidaram do potencial do grupo estavam errados, principalmente a técnica de líderes de torcida Sue Sylvester.

Modern Love

Baseada na famosa coluna do The New York Times, a minissérie acompanha a história real de diversos casais vivendo diferentes tipos de histórias de amor, tendo a cidade como cenário. A produção conta com Dev Patel, Anne Hathaway, Judie Garner, Cristin Milioti, Tina Fey, Andrew Scott, Sofia Boutella, Gary Carr e Ed Sheeran no elenco.

ONDE ASSISTIR: Prime Video

The L Word

Já finalizada, a série acompanha a rotina de um grupo de amigas lésbicas e bissexuais vivendo em Los Angeles, na Califórnia.

ONDE ASSISTIR: Globoplay

Will & Grace

A comédia conta a história de advogado homossexual e uma designer de interiores, que são melhores amigos e moram juntos apartamento em Nova York. Com a intimidade criada pela convivência, eles acabam sempre se envolvendo nos problemas um do outro.

ONDE ASSISTIR: Globoplay e Amazon Prime Video